Não da pra falar de Grammy sem comentar as apresentações que tomaram a noite desse domingo (26). A cerimônia ficou marcada pela vitória de Billie Elish nas categorias principais da premiação e o fato da cantora ter se tornado a artista mais jovem a alcançar esse feito.

Mas também tivemos o retorno de Demi Lovato aos palcos depois um momento turbulento lançando seu novo single, teve Ariana Grande voltando a se apresentar no palco do Grammy após toda a polêmica com a academia, teve homenagem ao Prince, Lil Nas X com BTS… Então, decidimos fazer uma lista com as melhores apresentações para você que quer relembrar o ficar de boca aberta!

DEMI LOVATO:

Começamos falando da apresentação mais comentada no Twitter. Demi Lovato fez o seu retorno triunfal ao mundo da música e ninguém sabia muito bem o que iria acontecer – mas ela voltou. Com seu novo single “Anyone”, um piano suave ao fundo, a cantora mostrou a sua potência vocal, chorou durante a apresentação e foi aplaudida de pé.

A letra é bem comovente e traz um lado de Demi que ainda não tínhamos visto. O que trouxe um bom reconhecimento para a cantora.

ARIANA GRANDE:

De volta ao Grammy, Ariana Grande trouxe a reacriacão do seu clipe “7 Rings” iniciado por uma orquestra onde a cantora soltou o gogó e cantou “Imagine” – pegando todo mundo de surpresa, já que ela não trabalhou essa música como single durante a Sweetener World Tour.

Ariana estava mais emotiva durante as músicas – muitos disseram que foi pelo fato da cantora ter saido de mãos abanando da premiação, mas quem acompanha o trabalho de Ariana sabe que as músicas lembram o seu relacionamento com Mac Miller que faleceu no ano passado.

LIZZO:

A cantora que levou 2 Grammys pra casa trouxe os seus dois maiores sucessos para o palco da premiação com uma orqueste de fundo. Ela mostrou sua potência vocal e fez uma homenagem ao Kobe Bryant.

O mais fofo foi Lizzo comemorando no final da apresentação.

LIL NAS X E BTS:

Trazendo um toque inusitado a premiação, Lil Nas X trouxe a vencedora de dois grammys – “Old Town Road” para o palco. Com diversos cenários, o cantor performou junto com BTS, que não teve tanto destaque mas trouxe a ideia de que muitas culturas podem sim estar no palco da cerimonia americana.

Foi uma apresentação gostosinha de assistir.

USHER:

Fazendo um tributo ao Prince, essa apresentação trouxe a presença de Usher – que não víamos a muito tempo por ai. Usher dançou e trouxe uma apresentação mais envolvente, um pouco diferente da que de Bruno Mars tinha feito em 2017. Os vocais de Prince se encaixaram perfeitamente com a voz de Usher e a sonoridade da música fez jus ao verdadeiro talento do cantor de hip-hop.

Será que voltaremos a ver Usher mais presente nos futuros Grammys?

Billie Elish:

A ganhadora do “Álbum do Ano” trouxe um ar melancônico a premiação. Billie e seu irmão Finneas trouxeram “When The Party Over” com um pano suave e o foco na voz de Billie. Uma apresentação bonita de se ver e entender o estilo que a cantora traz, que é bem diferente do Pop que geralmente esperamos no Grammy

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s